Momentos especiais de minha Familia..Aleluia!!!

Bodas de Rubi - Deus é Fiel..Ele cuida dos seus!!!

É uma nova geração de adoradores.Deus seja louvado.

quarta-feira, 23 de abril de 2008


O Povo do coração forte. “...mais se assemelhava a animais selvagens do que a seres humanos, pois não têm sensação do medo e nunca se dobram. Até as mulheres e crianças morrem lutando”


Este povo da Ásia Central fala de si mesmo da seguinte maneira: “Veja o coração de um cavalo. É grande e duro. Por isto o cavalo é um animal destemido. Não sente emoções. Por outro lado, veja o coração de um homem. É pequenino e mole. Por isto o homem se assusta à toa. São poucos os de coração duro. O coração de um frango é muito pequeno. É como o do homem. Por isto o frango se assusta com facilidade”. Para fortalecer os corações dos que se assustam à toa, os homens turcomanos comem coração de frango cru, a fim de fortalecer e aumentar o tamanho de seus corações.Há cerca de cem anos somente, os europeus achavam que este povo “mais se assemelhava a animais selvagens do que a seres humanos, pois não têm sensação do medo e nunca se dobram. Até as mulheres e crianças morrem lutando”. Embora a União Soviética, em 1924, os tenha declarado cidadãos de uma república Soviética, eles sempre se constituíram num problema quando se tratava de recensear, pagar impostos, ou prestar serviço militar no exército Soviético. São um povo feroz e orgulhoso, que, como povo, nunca foi amado, e nunca tomou conhecimento do amor de Jesus. São turcomanos. Desde o século X da era cristã, a Turcomênia se viu invadida regularmente pelos mongóis, persas e outros povos. Por esta razão, os turcomanos desenvolveram extremas habilidades militares e vida nômade. Nos anos 1800 tornaram-se o terror da Ásia Central, como bandidos e saqueadores, capturando caravanas e sendo tolerantes com o comércio escravo.Na República Soviética do Turcomenistão, ou Turcomênia, dois milhões de turcomanos vivem na fronteira do deserto de areias negras. Criam ovelhas e cabras, cultivam o algodão, fabricam e vendem talvez os melhores tapetes da Ásia Central. Outros dois milhões vivem em outros países, como Turquia, Iraque, Irã e Afeganistão, existindo refugiados no Paquistão, Alemanha e Estados Unidos.Nos áridos confins da Turcomênia, os turcomanos têm vivido quase totalmente isolados do resto do mundo. Deslocados durante os combates no Afeganistão, na década dos 80, muitos deles se assustaram ao descobrir que a sua língua e sua religião não eram as únicas do mundo. Cerca de 200 mil vivem em cidades, como a cosmopolita Ashkabad, mas a maioria vive no nível de subsistência dos semi-nômades. Todos os turcomanos se declaram muçulmanos, mas o Islã é apenas um verniz sobre as práticas ocultistas shamânicas, que envolvem médiuns, mágicos e feiticeiros, que caracterizam a sua vida.
Um povo não alcançado

Nunca ouviram o evangelho. Não há conhecimento de qualquer obra missionária que tenha penetrado neste grupo. Existem alguns voluntários médicos que prestam ajuda aos turcomanos no Paquistão.Somente existem porções da Bíblia em árabe, (traduzidas em 1884), e o Evangelho de João em alfabeto cirílico russo (1982). Está em andamento uma tradução do Novo Testamento.
Ore pelos turcomanos:

Mateus 9.37,38 - Ore pelos que estão concluindo a versão turcomana do Novo Testamento - Ore pelo surgimento de obreiros que distribuam o Evangelho de João em turcomano. - Ore pelo surgimento de estações de rádio que evangelizem em turcomano. Existe um pequeno grupo de turcomanos sendo treinados para gravar programas de rádio. - Ore para que sejam quebradas as cadeias do medo e da agressão, que impedem seja este povo amado por outros povos, vivendo, por isto, isolados. - Ore para que os turcomanos sejam libertos da superstição e do ocultismo, disfarçados sob a religião islâmica.
Dados Estatísticos
Alfabetização:
51% têm educação secundária.
Alimentação:
1/10 da terra pode ser usada como pastagens e no cultivo de algodão.
Artes:
Estrutura Familiar:
Média de pessoas por família: 4,2; 480.000 família
Fonte de Renda:
Há reservas de petróleo e gás natural.
Idioma:
Igreja:
População:
2,1 milhões na Turcomênia; 100.000 no Usbequistão; 400.000 no Afeganistão; 50.000 do Afeganistão em campos de refugiados no Paquistão; 500.000 no Irã; 500.000 no Iraque; 300.000 na Turquia; 82.000 no Tibete; 1.000 na Alemanha; 2.000 nos Estados Unidos.
Recreação:
Religião:
99,5% Muçulmanos Suni-Hanafi. Prevalece o shamanismo e paganismo. Cerca de 20 cristãos.
Saúde:

Nenhum comentário:

MISSÕES/ Maria Therezinha